Dicas de alimentação

#AlimentaçãoGPS

Alimentação Vegana fora de casa

Mais do que opção nutricional, ser vegano é um estilo de vida adotado cada vez mais por pessoas do mundo todo, inclusive os brasileiros. Um dos principais obstáculos de quem escolhe este caminho é comer fora de casa.

A falta de opção no cardápio dos restaurantes ainda é um ponto chave que faz um vegano optar por levar de casa sua refeição. A boa notícia é que é possível sim ter uma refeição saudável com seus amigos em restaurantes comuns:

• Consuma alimentos verde-escuro (brócolis, couve), feijão, lentilha, ervilha, grão de bico ou até mesmo proteína de soja.

• No self service, opte por um prato variado e colorido: arroz integral, leguminosas, verduras cruas e cozidas.

• Fuja das preparações fritas e gordurosas.

#AlimentaçãoGPS

Alimentação nos dias de calor

O Brasil é um país de clima quente, com temperaturas beirando os 25º. Por isso, é importante ingerir alimentos que não sobrecarreguem o organismo e dificultem o seu funcionamento. Siga algumas dicas e passe bem nos dias mais quentes:

• Evite a desidratação. Beba água, sucos e chás gelados. Frutas e legumes hidratam e repõem os nutrientes do corpo.

• Atenção na hora de consumir saladas cozidas. Alimentos expostos à temperatura ambiente por tempo prolongado podem provocar desconfortos gastrointestinais.

• Insira fibras no cardápio, elas promovem maior saciedade e melhoraram o funcionamento do intestino.

• Opte pelos temperos naturais, e use o sal com moderação.

• Aposte nas sobremesas como frutas e sorvetes naturais.

#AlimentaçãoGPS

Bebida alcoólica: calorias vazias e desidratação

Uma dica importante para evitar problemas de saúde e também questões mais graves como acidentes de trânsito ou ânimos alterados é cuidar da ingestão de bebida alcóolica. Este tipo de bebida não tem quase nenhum valor nutricional, só calorias vazias. Cada grama de álcool fornece 7 calorias.

Além disso, o álcool deixa o corpo desidratado por um ou mais dias, atrapalha a capacidade do organismo absorver nutrientes, eleva os níveis de cortisol (hormônio do estresse), diminui os níveis de testosterona, atrapalha o processo de ganho de massa muscular, e ainda podem causar deficiência de B1, B2, B6, B12 e C, vitaminas essenciais para quem busca melhora no rendimento esportivo.

COPYRIGHT 2018 (C) TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.